Eu nunca quis ser perfeita, e, nunca pensei em encontrar pessoas perfeitas durante a minha vida. Aliás, não existe uma definição exata de perfeição para ser aplicada às pessoas. Afinal, depois de um tempo no sereno minha franja encolhe, e independente do dia e da hora eu posso gargalhar até envergonhar os outros. Eu falo sozinha e fico imaginando diálogos que jamais existirão, ou até pensando em situações passadas e me perguntando como fui tão idiota dizendo tais coisas. Eu amo usar meias e odeio calça jeans. Pode não ter mosquitos no local, mas eu inevitavelmente sairei picada. Não gosto de legumes. Enjoo do meu cabelo e do cabelo das outras pessoas. Não guardo fisionomia. Amo café muito doce. Adoro ervilha em lata, odeio as frescas. Amo milho fresco, odeio os enlatados. Enjoei de praia por 2 anos, hoje fico esperando por dias livres e de sol, só pra sentir aquela vibe, sentar na areia e olhar o mar. Já fui muito ao cinema sozinha, e não vejo mal nenhum nisso. Na minha opinião carência é coisa de gente chata, que a vida é cheia de pessoas que nos amam, e que vale a pena pagar pra ver, a gente vai se decepcionar, mas acho que também vai se surpreender. Já amei, acho que 3 vezes, não tô pronta pra amar de novo. Não, não tenho medo de ficar encalhada, mas as vezes eu curto um papinho furado com alguém que nem tem nada a ver. Eu tenho estrias, celulite e pneuzinhos. Espinhas e as marcas que elas deixam. Gosto de morder, já mordi pessoas no  mesmo dia em que as conheci. Se tem uma música tocando eu paro para prestar atenção na música, mas adoro fazer várias coisas ao mesmo tempo. Adoro que segurem minha mão, pode ser amiga, amigo, mãe, irmão, pai, paquera, namorado. Tenho muita dificuldade em deixar o cabelo solto, acho lindo, mas incômodo. Não sou compulsiva por sapatos e estranhamente tenho vontade de zero de comprar bolsas, compro por necessidade e não por desejo. Minha vida tem trilha sonora, sou capaz de ouvir por até 5 meses o mesmo álbum, interpretando as canções, desenhando e dançando. Se eu não estiver com um fone de ouvido, estou com uma música na cabeça, provavelmente dançando internamente. Amava fazer minhas próprias unhas, atualmente odeio. Queria ficar quase loira e mês passado colori o cabelo de castanho escuro. Uso o mesmo casaco do Mickey desde 2010. Escrevo nas paredes, mas nunca levei uma folha pra faculdade este semestre. Sou pontual, odeio atrasos, porém sou compreensiva, é só avisar, assim eu vou tomar um sorvete ou entrar em uma livraria. Livraria é um lugar que deveria ter em cada esquina, sério. Prefiro a imagem das TV’s de tubo, não tenho notebook e meu guarda roupa é cor de rosa. Não uso sandálias, acho brega. Detesto rasteirinhas, uso havaianas. Sou 8 ou 80, camiseta, shorts e chinelo ou scarpin, tubinho preto e jóias. Não espero um príncipe no cavalo branco, afinal, tenho medo de cavalos. Também não gosto de pôneis. Não, porquinhos não são bonitos e estranhamente não como bacon. Como tomate que nem maçã e minha comida preferida é de pobre! Macarrão parafuso com carne seca e batata. Não sei fazer conta de dividir com 2 números na chave e só sei as tabuadas do 1, 2, 3, 4, 5, 9 e 10. Sou obcecada em corrigir erros de português, e quando eu erro tenho vontade de comer um dicionário. Tenho preguiça. Prefiro sair de casa as 7h e voltar a noite, do que sair as 7h, vir almoçar e depois sair e depois voltar. Amo reggae, me dá paz. Odeio cheiro de maconha, mas acostumei com de cigarro. Cerveja tem cheiro de xixi, eca. Minha mão é de velha e além disso coça algumas noites, os pés também. Quando estou muito cansada posso dar uma roncadinha, mas normalmente eu converso comigo mesma enquanto durmo. Durmo com 2 bichinhos de pelúcia… uma joaninha e um zangão. Sou muito calorenta, mas não gosto de ar condicionado, também não sou fã de ventilador. Detesto fazer ligações. Detesto mais ainda atendê-las. Queria ter vários animais exóticos. Já criei uma minhoquinha em cativeiro dando papel sulfite cor de rosa, pra ver se ela se alimentava da celulose do papel e ficava cor de rosa, fiquei com pena antes do fim da experiência. Não seguro bebês antes dos 4 meses de idade. E não consigo imaginar uma mulher tendo parto normal. Não gosto de plantas, dessas de vasos que tem que ficar cuidando. Queria que meu bichinho virtual nunca tivesse morrido. Não como miojo, só talharim. Estralo o pescoço, os dedos dos pés e das mãos, as costas, o cotovelo, o pulso, o joelho, o tornozelo e o maxilar. Só assisto filmes no cinema, em casa eu durmo antes da metade. Amo dormir. Sou chocólatra. Tenho TPM e cólica. Só fico resfriada 2 vezes ao ano, mas também fico derrubada. As vezes sou sincera e grossa sem perceber. Adoro dar fora em pessoas que nem conheço ainda. Namorado de amiga pra mim é mulher e eu sou totalmente hetero. Gosto de aconselhar, é engraçado como sei agir na vida dos outros. Enfim, nunca quis ser perfeita, prefiro rir alto e as vezes arrotar, destravar a calcinha na rua, afinal, estranho seria se eu estivesse sem… Tenho tique nervoso de ajeitar o sutiã e fazer caretas. Não simultaneamente. Sou enrolona, quanto mais me pedem, menos dou importância. Mas sei lá, me gosto assim, não mudaria muita coisa, talvez cresceria uns 5 cm e emagreceria uns 4 kg. Fora isso, tô legal.

06/05/2013

Anúncios